Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



HOJE ACORDEI A PENSAR - DO AMOR E DOS SISTEMAS.

23.12.14

 

think ouside the box.jpg

 

 

O Amor não precisa de um sistema, porque não é da sua Natureza ser controlado.  O Amor precisa de um racional: estar numa fase da vida parecida, partilhar valores e interesses, apreciar as mesmas rotinas. Mas o melhor do Amor é explodir para além desse racional; sentirmos que o que mais querermos é estar com aquela pessoa porque com ela somos mais felizes. Sentir mais do que pensar, querer mais do que hesitar.

Quando amamos, a vontade vence sempre o medo. SEMPRE.

Quem pensa que consegue encaixar o amor como mais uma componente de um sistema de vida em que nada queremos que falhe, está a tentar encaixar um triângulo no espaço de um quadrado; ou não cabe, ou sobram espaços. E é por entre esses espaços que passa o verdadeiro amor. Porque o amor escapa-se por entre os dedos quando o queremos agarrar, e volta como uma onda sempre que o tentamos esquecer, à noite, na solidão mais profunda,  quando ouvimos o seu murmurar dentro do peito como a orla do mar a subir e a descer na maré.

Mas também é preciso coragem para aceitar que é assim, em vez de o formatar à força num sistema que julgamos seguro. Acredito que a única segurança possível reside na crença profunda de um amor sem medo de nada. Sistemas são para a informática, para cálculos matemáticos, para tudo o que pode ser quantificado, medido, pesado.

No Amor não existem esses parâmetros: ou se é feliz ao lado do outro, ou então não vale a pena. e esse sim, é um racioal importante: ser feliz com alguém diferente de toda a gente, que existe para lá do trabalho, da realização pessoal, dos filhos, dos pais, dos irmãos e dos amigos, do que o mundo espera de nós. Porque na verdade, quando amamos, o mundo SOMOS NÓS. E é o resto que encaixa no sistema que nós escolhermos.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Seguir no SAPO

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D